Pesquisar este blog

quinta-feira, 28 de junho de 2012

A teoria do bode

A sabedoria popular está cheia de ensinamentos de muita valia para nossas vidas cotidianas, e mesmo para nossas vãs filosofias.

Umas das minhas favoritas é a teoria do bode.

Sua vida está ruim? Seu chefe é um mala? Não consegue fazer seu relacionamento engrenar? Sua namorada reclama quando você deixa a tampa da privada levantada? Está sozinho e quer um(a) namorado(a)? Tirou nota baixa naquela disciplina? Seu maior hobby é assolar fóruns de debate pra trollar as pessoas e iniciar discussões paralelas e infrutíferas, numa tentativa de esconder de si mesmo o vácuo de afeto que existe na sua vida?

Leve um bode pra casa!


Isso mesmo. Arranje um bode e leve pra morar dentro da sua casa. Ele vai comer o revestimento do sofá, vai berrar à noite, vai lamber sua orelha enquanto você dorme, vai espalhar cocô pela casa toda, vai te meter a cabeçada quando você lhe virar as costas, vai deixar sua vida com cheirinho de curral.

Deixe-o lá de duas semanas a dois meses, dependendo o quanto você costuma praguejar contra a sua vida. Passado o período probatório, livre-se do bode*.

* Tome o devido cuidado pra não desrespeitar as leis ambientais e de proteção aos animais. Tudo que você não precisa é de mais um problema pra reclamar.

Pronto! Olha que maravilha de vida que você tem agora, sem bode na sua casa!

2 comentários:

  1. Respostas
    1. Tá precisando de um abraço? :P

      Rapaz, curto muito teu site! Que honra receber sua visita. rs

      Excluir

Comente! Invente! Faça o Fex mais contente!